Convívio Social no Trânsito

alarm Tempo de estudo: 30 minutos

Como o tópico Convívio Social no Trânsito costuma ser cobrado na prova do DETRAN?

Quais são os principais conceitos relacionados ao convívio social no trânsito?

Dentro do contexto de cidadania e convívio social no trânsito, são importantes 3 conceitos:

  • Indivíduo
  • Grupo social
  • Sociedade

Indivíduo

É um ser único, com características e personalidade próprias, relacionadas ao meio e às experiências que vivem. Pessoas podem se parecer, mas nunca serão iguais.

Grupo social

No grupo social, os indivíduos estabelecem contato com outros que têm gostos e crenças parecidas. Pessoas se agrupam por compartilharem afinidades e por isso tendem a se relacionar melhor.

Sociedade

A sociedade é composta pelos diversos grupos sociais. Nela, os contatos são impessoais e indiretos. As relações seguem padrões e são organizadas por direitos e deveres.

Como o indivíduo e a sociedade se relacionam?

Somente vivendo em sociedade é que o ser humano consegue suprir suas necessidades.

Os indivíduos dependem da vida social para terem uma vida equilibrada e plena. Precisam estabelecer contato e afeto com outras pessoas e se beneficiam das trocas de serviços.

Porém, viver em sociedade é lidar com as diferenças individuais. A diversidade faz com que a sociedade esteja sempre em movimento e evolução, o que em certas situações gera tensões e conflitos entre grupos e indivíduos.

O relacionamento interpessoal é a capacidade que os indivíduos têm de se relacionar em grupo e com a sociedade, respeitando limites e convivendo com as diferenças do outro. Isso demanda esforço e é fator determinante para a qualidade de vida.

O que é o indivíduo como cidadão?

É cidadão o indivíduo que é consciente de seu papel na sociedade e respeita seus deveres e direitos.

Para dirimir os conflitos entre os indivíduos, o Estado tem o poder de criar as leis e aplicar as devidas punições quando as normas para o bom convívio social são desrespeitadas.

O trânsito é um lugar de encontro entre os mais diversos tipos de pessoas, sendo comum divergências e conflitos, que podem ser agravados por comportamentos agressivos.

Um bom cidadão geralmente é um bom motorista quando:

  • É amigável, cooperativo e solidário.

  • Entende que seus direitos são idênticos aos dos outros.

  • Age com civilidade, procura manter a calma em situações de conflito.

  • Compreensivo com os erros dos outros, pois reconhece que também erra.

  • Abre mão de ter razão em favor do bem comum.

  • Preserva o meio ambiente e o patrimônio público.